sábado, 9 de julho de 2011

A ORGANIZAÇÃO DOS ELEMENTOS

Bolsista: LEIDIANE ROSA
Devido à crescente descoberta de elementos químicos e suas propriedades, os quais necessitavam ser organizados segundo suas características surgiu a Tabela Periódica.
Esse importante passo foi dado no ano de 1869, pelo do professor da Universidade de São Petersburgo (Rússia), Dimitri Ivanovich Mendeleev (1834-1907). Na época foi constatado cerca de 60 elementos, e Mendeleev os organizou em função da massa atômica de seus átomos, estabelecendo assim as famílias e grupos.
As pesquisas de Mendeleev levaram a um modelo de tabela que organizasse dados de Química Inorgânica e começou a colecionar todas as informações sobre os elementos conhecidos na época. Os dados eram anotados em cartões, que eram fixados na parede de seu laboratório.

Mendeleev apresentou à comunidade científica a sua lei periódica dos elementos, ele deixou posições vazias na sua tabela dedicadas a elementos que eram desconhecidos. Com o passar dos anos a Tabela Periódica surgia devido à crescente descoberta de elementos químicos e das suas propriedades, os quais necessitavam ser organizados segundo as suas características.
Mais de metade dos elementos hoje conhecidos foram descobertos entre 1800 e 1900. Durante esse período, os químicos verificaram que certos elementos apresentavam grandes semelhanças.
Podemos então concluir que a Tabela Periódica não foi simplesmente inventada, foi criada a partir de investigação, a partir daí foi sendo cada vez mais aperfeiçoada e completada com elementos que eram descobertos, e comparados aos que já existiam.
O nome "Tabela Periódica" é devido à periodicidade, ou seja, à repetição de propriedade, de intervalos em intervalos.
A Tabela Periódica atual é formada por 118 elementos distribuídos em sete linhas horizontais, cada uma sendo chamada de período e as linhas verticais da Tabela Periódica são denominadas de famílias e estão divididas em 18 colunas. Os elementos pertencentes ao mesmo período possuem o mesmo número de camadas de elétrons. A família é caracterizada pelos elétrons do subnível mais energético, portanto os elementos de uma mesma família apresentam a mesma configuração na última camada.
Os elementos da Tabela Periódica podem ser classificados como:
 Metais: Eles são a maioria dos elementos da tabela. São bons condutores de eletricidade e calor, maleáveis e dúcteis, possuem brilho metálico característico e são sólidos, com exceção do mercúrio.
 Não-Metais: São os mais abundantes na natureza e, ao contrário dos metais, não são bons condutores de calor e eletricidade, não são maleáveis e dúcteis e não possuem brilho como os metais.
 Gases Nobres: São no total seis elementos e sua característica mais importante é a inércia química.
*            Hidrogênio: O hidrogênio é um elemento considerado à parte por ter um comportamento único.

Um comentário: