terça-feira, 29 de julho de 2014

O perigo de se misturar produtos de limpeza

Bolsista: Roniel Francisco
Olá seguidores do blog Quipibid! Hoje vamos falar sobre um assunto que é essencial em nosso dia a dia, os produtos de limpeza.Sem eles ficaria difícil manter nossas casas, roupas e vários utensílios limpos e perfumados. O problema, é que a busca por uma melhor eficiência na limpeza, faz com que diferentes tipos de produtos sejam misturados, podendo se tornar perigoso, uma vez que, dependendo da reação química ocorrida, poderá ocorrer o desprendimento de gases tóxicos, trazendo assim, sérios riscos à saúde da pessoa.

Figura 1: Produtos de limpeza
           


            Um dos principais produtos de limpeza amplamente utilizado como alvejante e bactericida, é a água sanitária, tendo como principal constituinte uma solução de hipoclorito de sódio, um sal, que é representado pela fórmula molecular: NaClO.
            Quando se deseja um melhor efeito na limpeza, muitas pessoas optam por misturar diferentes tipos de produtos, acreditando que irão obter melhores resultados. Na verdade quando se mistura dos tipos diferentes de produtos químicos que reagem entre si, o que irá se formar é um terceiro composto, que pode provocar um grande prejuízo à saúde. Ao se misturar alvejantes à base de hipoclorito de sódio, com produtos de limpeza que contém amônia em sua composição, produzirá cloraminas, um gás irritante que é quase tão prejudicial quanto o gás de cloro. Um exemplo é a mistura do alvejante(Qboa), com amônia (Ajax), produtos comuns em nosso cotidiano, ilustrados na figura 2.



 Figura 2: produtos de limpeza contendo amônia e hipoclorito de sódio

A combinação dessas duas soluções pode produzir cloraminas, as quais são tóxicas:

                                NH3 + NaOCl---à  NaOH + NH2Cl

                                NH2Cl + NaOCl---à  NaOH + NHCl2

                                NHCl2 + NaOCl---à  NaOH + NCl3

A formação de cloraminas, juntamente com o desprendimento do gás cloro nessas reações, prejudica todo o sistema respiratório quando inalados. O gás destrói as vias nasais, a traqueia e os pulmões. O cloro gasoso“rouba” o lugar do oxigênio no processo da respiração, aumentando assim a concentração de CO2; com pouco oxigênio as células ficam sem energia para realizar suas funções. Os sintomas são falta de ar, ardência na garganta, tórax e queda nos batimentos cardíacos, podendo ocasionar a morte.
A água sanitária reage também com outros produtos de limpeza que contém ácido fosfórico ou ácido sulfúrico,  usados na limpeza de banheiros e encanamentos. Essa mistura produz uma reação exotérmica, portanto, libera calor e compostos que resultarão na formação do gás cloro.
Quando se mistura ácido sulfúrico com hipoclorito de sódio, o ácido doa
hidrogênio, resultando na seguinte reação:

                                    2NaOCl(aq) + H2SO4(aq) => Na2SO4(aq) + 2HClO(aq)

            Em solução aquosa o ácido hipocloroso se quebra momentaneamente em ânion hipoclorito (OCl-)  e cátion hidrogênio ( H+). O ácido hipocloroso restante na solução oxida o ânion hipoclorito, produzindo gás cloro ( Cl2).

                                       HClO + H2O--à ClO-  +  H3O+

                                      2 HClO + 2 ClO---à 2 HClO2 +  Cl2
            Outros produtos de limpeza também podem gerar diferentes reações químicas, como os surfactantes, que são compostos que reduzem a tensão superficial entre dois líquidos, ou entre um líquido e um sólido. Os sabões é um exemplo do nosso cotidiano, limpam através do processo de solubilização das gorduras, mas, em águas duras que contém íons cálcio (Ca+2) e magnésio (Mg+2), os ácidos graxos dos sabões se ligam aos íons cálcio e magnésio, podendo formar sais insolúveis, dificultando a limpeza, contudo, com os detergentes com maior poder de limpeza, isso não ocorre, pois a amônia, presente também em xampus e pastas de dentes, ajuda na decomposição das gorduras, não podendo se misturar à produtos com hipoclorito de sódio.
Detergentes e fragrâncias podem produzir compostos orgânicos voláteis clorados, como o tetracloreto de carbono(CCl4) e o clorofórmio (CHCl3), os quais são prejudiciais à saúde.
 É preciso ter muito cuidado antes de usar produtos de limpeza, a dica é nunca misturar os produtos distintos e sempre ler o rótulo, isso irá evitar possíveis acidentes, como intoxicações e queimaduras. Espero que tenham gostado, até a próxima matéria sobre a química em nosso dia a dia.


Referências:

Rl, Jordão. Hipoclorito de sódio e amônia, 2013.Disponível em: <http://rljordaodomain.blogspot.com.br/2013/08/hipoclorito-de-sodio-e-amonia-mistura.html>. Acesso em: 25 de julho de 2014.

Digichem. Molécula do dia, hipoclorito de sódio, 2013.Disponível em: <http://digichem.org/2013/02/01/mmolecula-do-dia-hipoclorito-de-sodio/>. Acesso em: 25 de julho de 2014.

Ehow. Reação entre ácido sulfúrico e água sanitária.Disponível em: <http://www.ehow.com.br/reacao-entre-acido-sulfurico-agua-sanitaria-sobre_17494/>. Acesso em: 25 de julho de 2014.

Blogspot, Aprendiz de química. Saiba como o cloro gasoso age no corpo, 2011.

Ripbr, arquivo Sig. Alvejante a base de cloro.Disponível em:<http://www.ripbr.com.br/arquivo/sig/ddsma/SSO%20714%20%20Alvejante%20a%20base%20de%20cloro.pdf>. Acesso em: 25 de julho de 2014.

MAGALHÃES, M. Tudo o que você faz tem a ver com Química. São Paulo: Ed. Livraria da Física, 2007, p. 11-13.
           
           

16 comentários:

  1. a própria agua sanitária causa danos sozinha

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde! Boa matéria parabéns!

    Entao, desprovido de tal informação eu fiz a façanha de misturar, água sanitaria, sabão em pó e veja, e como sitado acima atacou o meu sistema respiratório! Já tomei inalação mais não resultou em nada! Tem algo específico que eu possa fazer para eu me desintoxicar ??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fiz algo parecido,tomei anti-alergicos e bebi muito leite puro

      Excluir
    2. Kkkkkk fiz o mesmo por conta do seu comentário

      Excluir
  3. Boa tarde! Boa matéria parabéns!

    Entao, desprovido de tal informação eu fiz a façanha de misturar, água sanitaria, sabão em pó e veja, e como sitado acima atacou o meu sistema respiratório! Já tomei inalação mais não resultou em nada! Tem algo específico que eu possa fazer para eu me desintoxicar ??

    ResponderExcluir
  4. Parabens pela materia!! Muito esclarecedora para meus alunos que trouxeram essa problematica em uma aula de química.

    ResponderExcluir
  5. Exelente explicação.
    Por isso só uso produtos de limpeza orgânicos e biodegradáveis.
    Não fazem mal a saúde nem ao meio ambiente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Helenna. Sua atitude serve de exemplo, parabéns!

      Excluir
    2. pessoal ,vi no comentário,pessoas que fizeram mistura água sanitária com Ajax..Isso já caiu em prova ,essa mistura mata .Use produto separado e enxague bem.

      Excluir
  6. Boa matéria, só não tem o compromisso de responder os seus leitores.

    ResponderExcluir
  7. Quando era moleque quase morro! Entrei no banheiro da casa de praia pra tomar um banho e no canto do Box tinha um baldinho com uns 2 dedos de cloro de piscina dentro... como menino é a imagem do cão, inventei de urinar dentro e achei bonito a reação da espuma... e como vcs sabem existe amônia concentrada na urina... fiquei se ar preso e queimei minhas vias aéreas... passei mal demais.

    ResponderExcluir
  8. Se misturar água sanitaria ao intercap qual composiçao quimica eu terei

    ResponderExcluir
  9. Misturei tira ferrugem com água sanitária. Estava limpando uma superfície de azulejos após esfregar não tendo ainda resultado esperado joguei água sanitária. Tive q sair correndo do banheiro porque subiu um cheiro forte parecendo um gás. Ainda estou esperando passar para poder terminar a limpeza. Estou com a casa bem arejada.

    ResponderExcluir