terça-feira, 12 de abril de 2016

NANOtecnologia e Saúde...

Bolsista: Wanderley Almeida
          Olá! Queridos leitores. Nesta edição vamos falar mais uma vez da nanotecnologia, mais precisamente de nanorobôs. Segundo Jesus (2014), a nanotecnologia é o estudo e manipulação da matéria em escala atômica e molecular.
              Conforme salienta a PUC-Rio (2012), a nanotecnologia engloba áreas distintas (Veja a figura 1), que em comum compartilham o fato de manipularem a matéria em escala reduzida, à escala manométrica. Veja a figura 2.

FIGURA 1: Mandala-Uma visão da nanotecnologia  
  Fonte: Site nanotech.ica.ele.puc-rio.br

FIGURA 2: Escala manométrica
                                                                     Fonte: Site nanotech.ica.ele.puc-rio.br 
    

          Como mostrado na figura 2, um nanômetro (nm) equivale à 1X10-9 M, ou seja a bilionésima parte de um metro. Para se ter ideia da dimensão desta medida, um fio de cabelo é 80 mil vezes maior que um nanômetro. PUC-RIO (2012).
          Agora que compreendemos um pouco mais o conceito da nanotecnologia, vamos entender porque esta nova possibilidade tecnológica é causa de tamanho entusiasmo nos mais diversificados campos, principalmente, na medicina e áreas afins.  
           Em 2010 um grupo de pesquisadores da Universidade de Columbia, em Nova York, criou um robô a partir de moléculas do DNA. O robô media cerca de quatro nanômetros e possuía o formato parecido com o de uma aranha, foi apelidado então de nano-aranha. No futuro Esses Nanorobôs poderão ser programados para se locomoverem ao longo da cadeia do DNA. (REDAÇÃO, 2013). Veja a figura 3.

FIGURA 3: Nanorobôs em escala – visão futurista
Fonte: Mail online
   A agência espacial americana que recebe o nome de Agencia de Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço (NASA) tem a intenção de, em 2020 (esta data poderá ser alterada), mandar pela primeira vez astronautas ao planeta Marte.  A viagem ao planeta vermelho é uma viagem sem volta, mas a principal preocupação da NASA é referente à saúde da tripulação durante a viagem, que será a mais longa realizada por astronautas da história. (VIAGEM, 2002).
        A preocupação da agencia espacial americana é compreensível. Segundo a Corporação Britânica de Radiodifusão (BBC), um estudo da Universidade da Califórnia, revela que a exposição prolongada a raios cósmicos pode causar danos significativos ao sistema nervoso, além da radiação intensa promovida pelo sol provocar o aparecimento do câncer.
Durante todo o percurso da viagem a tripulação não vai poder contar com a proteção invisível da atmosfera da Terra, a nave espacial ou os trajes usados pelos astronautas só conseguem reter parte da radiação solar. A viagem com cerca de 226 milhões de quilômetros entre a Terra e Marte, deverá ter duração aproximada de nove meses. BBC (2015).
Outra dificuldade já conhecida é que num ambiente sem gravidade, como o espaço, os músculos do corpo humano se enfraquecem e os ossos começam a quebrar, mesmo com exercícios físicos, são os mesmos sintomas da osteoporose. (VIAGEM, 2002).
        A solução encontrada pela NASA para o problema da falta de recursos médicos para a tripulação durante a viagem é a construção de Nanorobôs, a nanomedicina.  O objetivo da NASA é utilizar milhões de nano exploradores para detectar e tratar qualquer anomalia antes mesmo que virem doenças.
       A ideia defendida pela NASA é colocar os nanorobôs dentro de capsulas similares as capsulas de remédios já disponível no mercado. A tripulação faria uso periódico desse “remédio”, ingerindo as capsulas.  (VIAGEM, 2002).

        FIGURA 4: Capsulas similares as que serão utilizadas pela NASA
                                Fonte: Imagens do google.com

        São muitas as possibilidades que nos é dada pela nanotecnologia e a nanomedicina, recursos que até pouco tempo sequer sonhávamos, como: o tratamento da velhice; da obesidade sem esforço e efeitos colaterais; a cura do câncer, entre outros.
          Mais sobre nanotecnologia? ... Não deixem de ver a matéria aqui mesmo do nosso tópico – Química e Atualidades de julho de 2014 com o titulo: Nanotecnologia uma revolução química. Escrita pelo colega de faculdade e ex-participante do PIBID: Fernando Silveira de Jesus.

ATÉ A PROXIMA!

REFERÊNCIAS

BBC. Viagem a Marte pode causar danos no cérebro. BBC Brasil. 2015. Disponível em: < http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/05/150504_marte_danos_cerebro_fd>, acessado em 25/mar/2016 às 14h30min.

JESUS, Fernando Silveira.  Nanotecnologia uma revolução química. Blog Pibid e o Ensino de Química. 2014. Disponível em:         <http://quipibid.blogspot.com.br/2014/07/nanotecnologia-uma-revolucao-quimica.html#more>, acessado em: 15/mar/2016 às 17h00min.

PUC-RIO. Nanotecnologia. Disponível em: <http://nanotech.ica.ele.puc-rio.br/nano_introducao.asp>, acessado em 15/mar/2016 às 17h32min.

REDAÇÃO. Nanorobôs de DNA têm forma de aranha. Galileu. Ed. 269. Dezembro 2013.

VIAGEM fantástica pelo corpo humano em busca da cura. Direção: Michael Darks. Produção: Ion Parton e Brighton films. Documentário. Discovery Channel. 2002.  



Nenhum comentário:

Postar um comentário